Autoscooter: CTR ou CFR?

Autoscooter, Bumper Car ou, como é mais conhecido no Brasil, Bate-Bate. Um tipo de atração bastante tradicional que desde o início do século passado tornou-se presença quase obrigatória nos parques de diversão, sobretudo, naqueles denominados de parques itinerantes. Um ride simples cuja principal característica é fazer com que os carros de bate-bate, via de regra protegidos por para-choques de borracha, batam entre si. Movido por condutores elétricos interligados ao piso ou ao teto, o Autoscooter faz o vai-e-vem e as batidas contínuas desses pequenos carros  se converterem em verdadeiro clássico da diversão que merece nossa total atenção.

A propósito, caso queiram saber um pouco mais sobre esses rides, sugiro uma visita a um dos posts da série (por hora interrompida) Enciclopédia RCT3, embora simples, esse post de Fevereiro de 2010, destaca alguns dados interessantes sobre o Bumper Car. Mas o assunto agora é outro, ou melhor, é quase outro, pois tratarei do Autoscooter, uma criação assinada pelo stephanbrunswik, sobre a qual paira uma pergunta: trata-se de um CTR ou de um CFR?



CFR ou CTR (lassoares-rct3)


Para responder a esta questão não será necessário recorrer a nenhum tipo de análise técnica, tampouco precisarei de longas linhas repletas de descrições e informações, pois a resposta que buscamos, ainda que seja objetiva e superficial, é simples: o Autoscooter criado pelo stephanbrunswik é indiscutivelmente um CTR, porém é um CTR que se converte em CFR, eis a condição que gera a pergunta que dá título ao post. Espere um pouco: um CTR que é CFR, como assim? O stephanbrunswik desenvolveu um CTR cujo carro é um Bumper Car, logo, se unirmos vários carros do CTR criado por este designer e os colocarmos em um traçado invisível que por sua vez ficará sobre uma pista de metal e sob uma estrutura metálica, teremos um CFR. Entendeu?

Não custa então explicar de outra forma: o Autoscooter criado pelo stephanbrunswik oferece um conjunto de elementos que, a partir de um CTR que tem um modelo de Bumper Car como base, nos permitirá criar um CFR. Portanto, trata-se de uma criação de múltiplos elementos que incluem: 1 CTR chamado CTR_Scooter_CTR – que nada mais é do que o carro do CTR que, como dito, tem o desenho de um Bumper Car –; 1 Modelo de traçado denominado Kirmes_Autoscooter_CTR_Track que, como o próprio nome sugere, é um traçado pré-montado que servirá como modelo para a atração; 1 CSO (StephanBSKirmes_Autoscooter) que oferece as peças necessárias para a montagem da estrutura do ride, ou seja, os suportes, o piso, as escadas e cercas, o teto e até mesmo a caminhão do gerador de energia e, por fim, 5 arquivos de Laser Effects que comporão o ride.

Junte todos esses elementos e um CFR aparecerá na tela do RCT3. Ou se preferir instale o CTR, o traçado modelo, o CSO e os efeitos de laser e posteriormente coloque-os na tela do RCT3 para criar uma nova atração de nome Autoscooter. Por essa razão, me pareceu oportuno perguntar se o Autoscooter é um CTR ou um CFR, como se vê, o fato de ser um CTR não o impede de ser visto como um CFR, no entanto, mesmo quando visto como um CFR, o Autoscooter não deixará de ser um CTR.

De qualquer forma, a confusa identidade da criação deste designer alemão não nos impede de vê-la com bons olhos e, mais do que isso, sugere um teste. Para tanto, você precisará visitar um site que muito provavelmente é desconhecido, por hora, me limitarei a comentar os passos necessários para a instalação do Autoscooter, mas em breve farei um post para comentar sobre esse endereço.

Bom, como dizia, o primeiro passo é baixar o arquivo do Autoscooter, para tanto, clique neste link e faça o seu registro no k-rides (use o tradutor para evitar erros e lembre-se que logo farei um post para destacar os conteúdos ainda não divulgados do k-rides). Depois de realizar esse passo, feche o site se preferir, mas não faça o logout. Agora clique neste link para baixar o Autoscooter. Na sequência extraia o arquivo e abra a pasta RCT3_Autoscooter_CTR que trará 5 outras pastas em seu interior.

Primeiramente, abra a pasta Cars_TrackRidesCars, em seu interior estará a pasta CTR_Scooter_CTR, a mesma deverá ser recortada e colada na pasta Cars\TrackedRideCars do RCT3. Volte a pasta inicial e abra a pasta Tracks_TrackedRides que também terá uma pasta denominada CTR_Scooter_CTR em seu interior, a mesma deverá ser recortada e colocada na pasta tracks\TrackedRides do RCT3. Os 2 arquivos já são suficientes para o uso do CTR criado pelo stephanbrunswik, no entanto, o mesmo trará unicamente o carro da coaster no Invisible Track, isto é, o carro do Autoscooter em contato direto com o chão do parque. Como se vê na imagem abaixo, apesar de bem modelado e de permitir troca de cores, da forma como está apresentado dificilmente o carro do Autoscooter poderá ser aplicado sem os demais recursos que o acompanham.


CTR Autoscooter Car (stephanbrunswik) lassoares-rct3


Sendo assim, minha sugestão é que a instalação seja completa, incluindo o modelo de traçado, o CSO para montagem da estrutura do ride e os efeitos de laser que igualmente acompanham a criação. Para instalar o modelo do traçado do Autoscooter localize a pasta Kirmes_Autoscooter_CTR_Track&CSO e de seu interior recorte o arquivo [CTR_Scooter_CTR]Kirmes_Scooter.trk e cole-o na pasta Documents\RCT3\Coasters. Lembro que este modelo de traçado não é um elemento essencial para o funcionamento do CTR, entretanto, o mesmo oferece a vantagem de possuir as dimensões necessárias para o encaixe na estrutura do Autoscooter, o que facilitará em muito sua montagem. Ainda assim, fica a critério de cada um usar este modelo ou criar novos traçados.

Dito isso, instale o CSO do Autoscooter, que como já mencionado, oferece uma série de peças para montar a estrutura do ride. Para tanto, localize a pasta CSO, em seu interior estará a pasta StephanBSKirmes_Autoscooter, a mesma deverá ser recorta e colada na pasta Style/themed do RCT3. Finalmente vá a pasta denominada LaserEffects e recorte os 5 arquivos (.las) para depois colá-los na pasta Lasers do RCT3. Pronto, você já tem tudo o que precisa, se faltar algo é o Invisible Track do Revolutionary Ride Team, caso não o tenha, visite este post e saiba como baixá-lo e instalá-lo, pois sem ele o Autoscooter não funcionará.

Mas como usar tantos arquivos e montar o Autoscooter corretamente? Se esta é sua dúvida, segue abaixo um rápido tutorial para montar o CFR Autoscooter, ou melhor, para usar o CTR Autoscooter e assim criar um CFR.

1. Vá ao menu Transport Rides, localize o ícone do Scooter_CTR e clique em Build a save track design. Nesse momento uma janela se abrirá, trata-se do Track Browser (destacado na imagem abaixo), nele selecione o modelo de traçado Kirmes_Scooter e clique em Build This.



Kirmes_Autoscooter_CTR_Track (stephanbrunswik) lassoares-rct3


2. Selecione a posição em que o ride será colocado e clique para instalar o traçado. Observe que a saída estará a direita (tendo a frente do ride como referência) e a entrada estará a esquerda. Feito isso configure o ride (velocidade, número de carros etc.) e pronto. Se desejar insira os lasers no interior da estrutura, monte o cenário e as filas de entrada e saída e abra o CTR Autoscooter ou o CFR Autoscooter, isso dependerá de sua interpretação.

Para finalizar deixo algumas imagens elaboradas durantes o teste do Autoscooter. Espero que gostem e até breve.


Autoscooter Outside Inside (stephanbrunswik) lassoares-rct3


Lassoares Maio/2012.

23 comentários:

Junnyor Mineratto disse...

fiz de tudo e nao consegui..o invisible quando clico ele da erro me ajuda

zeze disse...

Ola lassoares.

Bom vim aqui para ver se você ^^E sabe como resolver um problema no meu RCT3 Importer.

Bom depois que formatei o PC, o RCT3 Importer ficou "louco".

Bom eu instalo normalmente o CSO, ele aparece no jogo, mas a pasta não aparece em Themed.

Você sabe como resolver isto?

Rafael disse...

Lassoares Me ajuda em Uma pequena coisa!
eu estou me dando bem na criação de CFR e Tudo mais....
Mais tenho Problema na Hora de Anima-lo
Quando eu crio Armadura(ossos) como faz pra mim gruda o osso no Modelo!
Tipo assim:
Quando eu Movo o Osso Dentro do Modelo,somente o osso move,o modelo fica parado,como que faz pra mim unir os dois?
outra coisa vc sabe como configura pra coloca um menu de deixa um osso pai do outro....alguma coisa assim?
agradeço muito desde já,tentei pergunta pro heverton mais ele nem respondeu:(
me ajuda pf?

Anônimo disse...

Onde eu acho o download da Tour Eiffel do Hopi Hari? =(

Eduardo Natalicio disse...

Amei obrigado uhuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuu eu queria e achei no Lassoares!!!!!!!!!

Lassoares disse...

Junnyor Mineratto: como assim? quando clica para baixar ou no RCT3?

Lassoares disse...

Rafael: antes de nada fico feliz que esteja avançando na criação de CFR. Então, até onde eu sei, osso (bone) é o item que define o ponto de animação, assim, uma coisa é inserir os bones no SketchUp e exportar junto com o modelo do CFR, outra coisa é usar o xml editor para definir os movimentos que cada parte (atrelada a um bone fará), vc já editou os bones no xml editor? Nesse caso um mesmo arquivo do editor (até onde sei, mas não estou totalmente seguro) poderá ter vários bones que, como dito, designarão os movimentos de cada parte, por isso bone_1, bone_2 etc. Para inseri-los basta usar o texto do SketchUp definindo o ponto (parte do modelo que moverá).
Quanto a esse osso pai, eu desconheço. Qual tutorial vc está seguindo?
Bom, por hora é isso. Espero ter ajudado em algo, senão me escreva e tentarei explicar (o pouco que sei) de outra forma.

até mais!

Lassoares disse...

Anônimo: CFR, CSO?

Lassoares disse...

Eduardo Natalicio: valeu!!!!!!!!!!

Lassoares disse...

zeze: cara o 7 é cheio disso e tem um monte de coisa que zoa o RCT3. Primeiro de uma olhada no post abaixo, na parte que fala sobre a instalação do novo importer.

http://lassoares-rct3.blogspot.com.br/2012/04/um-embrulho-para-colocar-suas-compras.html

fique de olho no item 3 que fala sobre o mingwm10.dll, pode ser a falta desse arquivo que está fazendo isso.

Depois abra o arquivo RCT3 Importer (wordpad) e compare ao meu (que está funcionando corretamente)


[wxWindows]
[wxWindows/wxFileDialog]
ViewStyle=16
ShowHidden=0
[App]
WorkDirectory=C:\\Users\\Seu Nome\\Desktop\\Nome do seu CSO
[App/Size]
Texture_w=663
Texture_h=327
CreateSceney_w=552
CreateSceney_h=677
Model_w=716
Model_h=538


Inicialmente esses são os dois problemas mais comuns para explicar o que acontece contigo. Até mais

Rafael disse...

Lassoares Você Não tem um Email Pra pode me Ajuda Melhor Nisso?
Entedi Pouco oq vc me disse,sou easy nessa parte de cria (Bones)...eu Agradeceria se você fizesse um Mini Tutorial Pra mim,se puder faze mande em mensagens pra mim nesse email>>>Rafinhab_spezzoto@hotmail.com<<....agradeço desde já....xau

Anônimo disse...

A torre e o suporte, se possível. ><

zeze disse...

Bom pelo que vi está totalmente diferente.
No RCT3 Importer.config
Está tudo diferente, só possui a linha WorkDirectory.
Vou estar testando aqui para ver se da certo.

Obrigado pela atenção.

zeze disse...

Bom acabei de ver, infelizmente não deu certo.
O mingwm10.dll eu tenho, ele está na pasta o RCT3 Importer.
Enquanto a linha WorkDirectory, a última parte onde vocês escreveu "Nome do seu CSO", nesta linha o que é indicado? Neste caso no meu está o meu set, só que na pasta eu tenho as texturas, os ovls separados, sabe organizado, e o set que estou fazendo tem outro nome por ser uma subdivisão.

Bom o problema que tento entender é zuado mesmo porque o set aparece no jogo mas não aparece a pasta em Themed.

Obrigado pela atenção.

Lassoares disse...

zeze: pois é, tá estranho. Mas vamos tentar rastrear e resolver:

1) Qual versão do Importer vc usa?
2) Como vc instalou o Importer? tem uma pasta de trabalho para ele?
3) O RCT3 está instalado na pasta C:\Program Files (x86)\Atari\RollerCoaster Tycoon 3 Platinum?
4) Quando vc cria o set, vc define o path (ou seja, indica uma pasta que receberá o OVL criado, por ex. uma pasta no desktop).
5) Nas opções de pasta do 7 (na opção Painel de Navegação) o item Mostrar todas as pastas está marcado?
6) Quando vc manda pesquisar no 7 para localizar o CSO criado (nome da pasta), onde ele está?

Espero resposta. Até mais!

Lassoares disse...

Anônimo:

Opções de CFR:

http://www.putmeonthenet.net/content/ImagineerJohn/website2/135/RR-DropTower.rar

http://www.mediafire.com/?z1mu42q4nmy

Opções de CSO:

http://www.4shared.com/file/nOnBh2vz/La_Tour_Eiffel_-_Hopi_Hari__RC.html

http://rct3csos.com/forum/index.php?action=downloads;sa=downfile;id=50 (este exige login no site)

espero ter ajudado!

Lassoares disse...

Rafael: o problema é o tempo e o domínio da coisa. Infelizmente não conheço a ponto de fazer um tutorial, sobretudo da edição de xml editor, pois fiz pequenos testes, mas não sei mexer mesmo. Qto ao e-mail, infelizmente não uso e-mail para o RCT3, mas prometo agilizar (se souber responder) pelo blog.

valeu e me desculpe mas no momento CFR ainda representam algo bastante difícil, novo e complicado para mim.

Anônimo disse...

Aee, ajudou sim. muito obrigado! :D

zeze disse...

Muito obrigado pela sua ajuda Lassoares.
Bom o que eu fiz. Como não aparecia a pasta, fui em Disco Local e em pesquisar colocar zezegui, o nome que começa meus sets, etão ele achou o zezeguiBCW Objects por estranho que pareça.

Bom agora estarei lançando meu set com objetos do BCW, esse primeiro so vem a Cowboy, mas ainda terá atts.

Agradeço muito!

Lassoares disse...

zeze: eu vi! ainda não testei, mas parece legal. E quando precisar, escreva! Até mais!

Lassoares disse...

Anônimo: De nada, se precisar é só escrever. Até mais!

rct3mystic disse...

O link de download ta quebrado =(

Lassoares disse...

rct3mystic: infelizmente o stephanbrunswik ainda não atualizou o link depois da renovação do k-rides, assim que o fizer eu atualizarei, mas por hora, infelizmente não tem como. Até mais!

Postar um comentário

Lassoares-rct3

ANO IV